Não deixe de conferir:

Temporada do espetáculo teatral "O Rouxinol e a Rosa"

O grupo teatral A Ordem do Caos convida você para assistir à temporada do espetáculo O Rouxinol e a Rosa, no CEU Caminho do Mar. Com ...

04/09/2013

“Street Dance: A dança de rua!”


Por Lethícia Thiemy


“Street Dance” nada mais é do que uma forma que os americanos criaram para fazer uma mescla de várias outras danças do gueto, que juntas formam o que nós conhecemos hoje.

Street Dance

A primeira vez que esse nome, "Street Dance", apareceu foi por volta do ano de 1930 com o surgimento de um estilo de dança chamado “TAP” - ou como os americanos conhecem por Sapateado - e os negros, sofrendo uma forte influência dos irlandeses, decidiram criar um estilo próprio se baseando na cultura africana.E assim foi criado o Street Dance.

Um dos maiores exemplos é o B-boying (ou Breakdancing), que surgiu em Nova York e Melbourne Shuffle. O Street Dance possui grandes danças que surgiram a partir desse movimento, assim como o Jazz, o Hip-Hop e muitos outros que vem sendo adaptadas até hoje, o que consiste no Street Dance, são praticamente improvisações desde grupos pequenos de rua até grandes grupos dançando esse estilo. Nos dias atuais vemos essas raízes do Street Dance em danças como o Hip Hop, que é uma das danças mais praticadas pelos norte americanos, e através do tempo esse estilo vem cada vez mais sendo profissionalizado e coreografado, assim fazendo crescer ainda mais o Street.

Outro grande filho do Street clássico é o Daft punk, que é a reunião de um grande grupo para fazer improvisação total de dança, apesar de ter sido originada pelo punk rock e ter seu principal representante como Sex Pistols, é também uma das grandes vertentes do Street Dance.



"Vídeo do "Trio Yeah": para vocês ficarem com vontade de aprender esse ritmo”



Lethícia Thiemy  tem 17 anos e é estudante da Oficina de Teatro do grupo “A Ordem do Caos”.