Não deixe de conferir:

12ª Mostra Cultural A Ordem do Caos - Programação

Pra quem estava ansioso, este ano a tradicional Mostra Cultural do grupo A Ordem do Caos ocorre no mês de agosto! Com atrações totalme...

11/08/2011

Dogville



Por Eduardo Andolini

"De boas intenções o Inferno esta cheio". Quem nunca ouviu essa frase? É basicamente essa mensagem que Lars Von Trier nos traz nesse filme. Aqui, temos a história de uma garota, Grace, nos anos 30, brilhantemente interpretada por Nicole Kidman, que foge de seu próprio pai, um chefão da máfia. A moça encontra abrigo em uma pequena vila onde tudo tem seu preço, que, diga-se de passagem, vai ficando cada vez mais alto: quanto mais difícil é seu esconderijo, maior é o valor, até chegar um ponto em que ela não sabe se o melhor é continuar ali ou se entregar.

Além de um roteiro interessantíssimo e um final inesperado, desses que você não sabe o que pensar, o filme também tem um visual bem diferente. Os cenários são bem simples, lembrando uma produção teatral, o que exige muito mais dos atores que, por sua vez, dão show nesse sentido. Aqui temos grandes atuações de todos eles.

Pra você que é maluco como eu, que gosta de ver como foi feito, existe também um documentário interessante chamado "Dogville Confessions", onde além daqueles extras que quase todos os DVDs contêm hoje em dia, há uma espécie de "confessionário", onde os atores falam sobre a filmagem, ensaios e sobre a direção.



Dogville é o primeiro filme de uma trilogia ainda não terminada que se chama "EUA terra das oportunidades". Fazem parte dela Manderlay, lançado em 2005, e Washington, que ainda estreou.

Ficha Técnica
Título Original: Dogville
Gênero: Drama, Mistério, Suspense
Direção e Roteiro: Lars Von Trier

Fotos: IMDB




*Eduardo Andolini é professor de educação física e língua inglesa e escreve sobre cinema para o AODC Notícias todas as quintas-feiras